.posts recentes

. "Ou a gente muda este Paí...

. ELEIÇÕES NO BRASIL

. O Tiririca do Cerrado: Se...

. ZULU: A EX-BOLETE QUE NUN...

. Dr. Bumbum e mãe são pres...

. Mulher morta por trem ao ...

. Copa do Mundo 2022: o que...

. A chuva quando cai não é ...

. Acidente envolvendo carro...

. Já teve problemas na cont...

.arquivos

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Fevereiro 2010

Terça-feira, 31 de Julho de 2018

"Ou a gente muda este País ou muda de País" bradou Rosana Valle

38036786_2103640949956311_4924806438729023488_n.jp

A foto acima mostra certa indignação e o inconformismo da jornalista e pré-candidata a deputada federal pelo PSB Rosana Vale. Se chegar à Câmara dos Deputados, Rosana acredita que não perderá o contato das ruas. 


Ela garante que, no legislativo, nunca deixará de fiscalizar e contestar - duas das principais características do Jornalismo. Confira os principais trechos da entrevista:

Diário – Por que deixar o jornalismo e ingressar na política?
Rosana Vale - 
 Cumpri 25 anos de carreira com muita paixão. Sempre acreditei na minha vocação de jornalista. Essa profissão me realizou, que fez eu acompanhar de perto a história da região. Mas o Brasil precisa de renovação política. Precisamos nos apropriar de espaços. O Jornalismo é a boa política. É fiscalizador, é a proximidade da população, é a intermediação entre o Poder Público e o povo. É a defesa da população. Então, percebi que estava na hora de assumir uma responsabilidade política, porque só reclamar não adianta. Já cansamos de mostrar o errado. Está na hora de pessoas de bem se apresentarem com coragem.

Diário – Ou seja, você será uma fiscalizadora implacável, até por vocação?
Rosana –
 Os deputados são interlocutores da população, mas têm que baixar a bola e entender que são servidores públicos. Têm que legislar visando o interesse público. Mas parece que os papéis estão invertidos. Acreditam que são autoridades. Vivem num mundo paralelo. Parece que o que acontece no dia-a-dia não atinge o parlamento. Há uma distância muito grande entre a lei e a realidade. Assisto votações de projetos absurdos. Que país eles (deputados) pensam que estão?   

Diário – Dá um exemplo?
Rosana –
 A lei de inclusão foi aprovada em Brasília e no papel ela é perfeita. No entanto, a rotina nos mostra professores exaustos por classes superlotadas, escolas inacessíveis e sem professores especializados para atender crianças especiais. A mãe é obrigada a ficar o tempo todo junto da criança. Onde está o aporte necessário?

Diário – As reportagens regionais te ajudarão na empreitada?
Rosana – 
Fiz o caminho certo. Estou ouvindo as propostas das pessoas, de especialistas, para poder arregaçar as mangas e trabalhar quando estiver em Brasília. Lembra o que ocorreu na Beneficência Portuguesa, onde as pessoas pensavam que estavam recebendo tratamento de radioterapia e não estavam? Pois bem. É necessária uma lei que obrigue que os equipamentos possuam um selo visível com data de fabricação, prazo de validade e data da última manutenção. Assim, o paciente mesmo pode fiscalizar. Mortes seriam evitadas.

 

Diário – Você está preparada para ser vidraça?
Rosana –
 Estou encarando esse desafio como uma missão. A vida é tão curta, que a gente precisa deixar uma boa história para nossos filhos. Preciso trabalhar para a região tenha mais orgulho de mim. Vou trabalhar da mesma forma que trabalhei como jornalista, com coragem e dignidade.

Diário – É preciso mais mulheres na Câmara?
Rosana –
 Estamos abrindo espaços. A maioria dos eleitores é mulher e somos apenas 10% no Congresso. Já está provado que somos mais sensíveis e menos envolvidas em corrupção. Ainda não estamos em igualdade. Recebemos menos, ocupamos menos cargos de chefia, enfim. Precisamos quebrar esses tabus. A cota partidária é 30% mulheres e 70% homens. Deveria ser 50% para cada. Mas estamos avançando, pois já há decisão que o fundo eleitoral tem que respeitar a percentagem da cota (30/70%), o que não ocorria. Os homens usavam 95% da verba e as mulheres 5%.

Diário – Igualdade, para você, reflete em tudo?
Rosana –
 Sim. Estamos falando de igualdade de direitos.

Diário – Acredita na ponte prometida pelo governador Márcio França?
Rosana –
 Sim e espero que ela chegue. Eu acompanho esse questão por muitos anos. Até maquete já foi inaugurada. A região precisa se desenvolver. Precisamos de aeroporto. Precisamos agir para que as coisas ocorram.

Diário – Como você avalia a reforma trabalhista?
Rosana – 
Teve alguns avanços, mas também muitos problemas. Permitir que grávidas trabalhem em lugares insalubres é uma questão que precisa ser revista. Permitir parcelamento de férias também. Precisamos revisá-la.

Diário – É preciso investir mais em Saúde e Educação?
Rosana –
 Verba parlamentar para a saúde não significa muita coisa. Estamos combatendo a doença. Verbas têm que ser destinadas para projetos de educação, de assistência social, esportes para que, lá na frente, todos eles acabem minimizando os problemas na área da saúde. Investimento em saneamento básico, por exemplo, é fundamental para a garantir a saúde.

Diário – Você acredita que o Brasil tenha jeito?
Rosana – 
Tem. Temos gente boa e bons projetos. Tem muita coisa que está dando certo no País. Precisamos apenas achar os caminhos, começando pela política. Em Brasília é que as leis acontecem e que são estabelecidas políticas públicas para melhorar a vida dos brasileiros. Eu nunca quis ser política, mas sobrou para todo mundo. Só tem uma saída: ou a gente muda este país ou muda de país. Eu escolhi colaborar com a mudança.

 
publicado por srgiodefreitas1965 às 21:28
link do post | comentar | favorito

ELEIÇÕES NO BRASIL

As Eleições 2018 no Brasil acontecem no domingo dia 07 de outubro. Estas serão eleições presidenciais, que acontecem de quatro em quatro anos no Brasil.

Cargos Disputados

Nas Eleições de 2018 os brasileiros vão eleger ocupantes para os cargos de:

  • Presidente da República;
  • Governadores Estaduais;
  • Senadores;
  • Deputados Federais;
  • Deputados Estaduais ou Distritais.

Primeiro turno

primeiro turno das Eleições 2018 acontecerá no domingo dia 07 de outubro.

Segundo turno

segundo turno está marcado para o domingo dia 28 de outubro, nos casos em que for necessário, para os cargos de presidente e senador.

O segundo turno acontece, segundo a lei eleitoral, apenas quando nenhum dos candidatos atinge mais de 50% dos municípios.

Simulação de votação na Urna Eletrônica.

Para votar, primeiro escolha seus candidatos na lista abaixo:

Partidos Políticos
Número Candidato
91 PMS - Partido da Música
92 PLT - Partido da Literatura
93 PTV - Partido da Televisão
Vereador
91102 Clara Nunes
91103 Elis Regina
91104 Luiz Gonzaga
91105 Noel Rosa
91106 Pixinguinha
91107 Vinícius de Moraes
92102 Castro Alves
92103 Clarice Lispector
92104 Cora Coralina
92105 Érico Veríssimo
92106 Machado de Assis
92107 Monteiro Lobato
93102 Chacrinha
93103 Dina Sfat
93104 Mussum
93105 Daniela Perez
93106 Paulo Gracindo
93107 Zacarias
Prefeito
91 Cazuza
92 Carlos Drumond
93 Brandão Filho
publicado por srgiodefreitas1965 às 18:04
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 25 de Julho de 2018

O Tiririca do Cerrado: Semelhanças entre Jofran Frejat e Tiririca

 

15330552529527.JPG

258.jpg

 

Além das fotos em uma mesma posição e o partido que ambos integram, o PR – Partido Republicano, Jofran Frejat e Tiririca estão decidindo se retornam ou não a política, a pedido do partido.

 

Aparentemente o primeiro a voltar foi Tiririca, que reconsidera e decide disputar a reeleição. Deputado federal pelo PR, Tiririca havia desistido, em dezembro de 2017.

Francisco Everardo Oliveira, mais conhecido como Tiririca, disputará a reeleição em 2018. Tiririca foi o parlamentar mais bem votado nas eleições de 2010, com 1,3 milhão de votos. No entanto, o congressista admitiu que se candidatou apenas para tentar ganhar visibilidade como artista. Em 2014, o comediante foi reeleito com 1,016 milhão de votos.

1 pouco diferente, Jofran frejat, embora Líder nas pesquisas para governador em Brasília, perdeu as três últimas eleições majoritárias que disputou.

 

Quando recebeu o convite de José Roberto Arruda para ser candidato ao Governo do DF em 2014. Mesmo com todo o aparato e apoio de Arruda, Jofran Frejat perdeu para Rodrigo Rollemberg (PSB) no segundo turno.

 

Após se reunir com o presidente nacional do PR, Valdemar Costa Neto, na manhã desta quinta-feira (19/7), o ex-secretário de Saúde Jofran Frejat disse ainda não saber se vai voltar à disputa ao Palácio do Buriti.

Até o ex-governador José Roberto Arruda (PR), apontado como pivô da desistência de Frejat, ligou para o correligionário nos últimos dias para tentar convencê-lo a não abandonar a campanha.

Agora, só nos resta aguardar para ver se o médico Jofran Frejat, fará o mesmo que Tiririca e voltará atrás na sua decisão de não ser mais candidato. Ou se Frejat vai seguir seu colega de partido (Tiririca) e vai voltar atrás na decisão. O que você acha?

 

publicado por srgiodefreitas1965 às 00:40
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 24 de Julho de 2018

ZULU: A EX-BOLETE QUE NUNCA SORRIA PARA TV E O PÚBLICO

 

fb1d91b207dd432186e535c1f6665f9b__ER7_RE_DS_BLOCO_

 

Domingo Show deste domingo (22/07) revelou um dos maiores segredos da televisão brasileira: por que a bolete Zulu , a mais famosa bailarina do Clube do Bolinha, nunca sorriu?  Clique aqui e veja a reportagem.

A paulistana Cleusa Maria, apelidada de Zulu, a dançarina brava do Clube do Bolinha, revelou o motivo de sua seriedade neste domingo (22/07): ela é fisicamente incapaz de sorrir. "Eu tive uma paralisia facial, desde pequena eu não podia sorrir e até hoje não consigo. Graças ao Bolinha eu consegui meu ganha-pão sem precisar rir", assumiu ela. Cleusa ficou conhecida por nunca sorrir no programa que Édson Cabariti Cury (1936-1998) apresentou em 1967 na Excelsior e entre 1974 e 1994 na Band. Hoje com 66 anos, ela trabalha em uma casa de costura de São Paulo. "Muita gente tem o que eu tenho, mas tem vergonha de assumir. Hoje, eu não tenho mais vergonha de falar", admitiu a ex-bolete. Filha de lavadeira e 1 feirante, a dançarina chamava a atenção por não sorrir nem mesmo enquanto fazia as coreografias com as outras boletes na atração. "Todos tentaram fazer Zulu, a bolete que não ria, sorrir. Quem não se lembra dela, a bolete mais famosa do nosso saudoso Bolinha?", dramatizou Geraldo Luis no Domingo Show, que promoveu uma transformação em Cleusa Maria. "O Bolinha foi um pai para mim, graças a ele eu venci na vida", contou a ex-dançarina.

Zulu era chamada de jararaca, insensível e ingrata por Cury durante a atração, mas recebia um carinho especial de Bolinha nos bastidores. "Meu pai gostava de todas as boletes, mas a Zulu começou muito cedo [ela passou a trabalhar Bolinha aos 14 anos] e ficou do começo ao fim, então era como uma filha para ele", lembrou Vitória Cury, filha do Édson Cury.

"A gente tentava de tudo para fazer ela rir, não é lenda. A gente aprontava, mas ela sempre com aquele jeito dela. Até hoje eu não sei o que aconteceu para ela ficar assim", contou o cantor Gilliard. "Ela chamava a atenção porque ficava muito séria, o Bolinha podia fazer a brincadeira que fosse que ela mantinha a pose. Eu acho que fui uma das poucas pessoas que conheceu o sorriso dela", disse Sula Miranda. "A seriedade dela era a grande interrogação nacional.

 

Diz a lenda que Zulu só era brava daquele jeito para disfarçar a sua timidez. Mas ela foi a dançarina que ficou por mais tempo no elenco do programa, permanecendo do primeiro até o último. Zulu era sempre perseguida e atormentada por Bolinha no palco, e muitas vezes tinha que fugir dos “ataques” de músicos mais saidinhos como Genival Lacerda e Sergio Mallandro. Mas ela nunca dava o braço a torcer, e estava sempre de cara fechada e pronta pra briga!!

Com o final do programa, Zulu passou um bom tempo fazendo excursões por diversas cidades do Brasil levando seu personagem e aparecendo em programas de TV pra relembrar o apresentador, mas logo abandonou os palcos e hoje se dedica à família. Ela ainda guarda com carinho várias lembranças e tesouros do show, como por exemplo a lendária camisa listrada que Bolinha usou em seu último trabalho na TV. Zulu foi uma personagem criada por Bolinha para salvar o elenco que seria rifado do programa pela Band. Deu tão certo a idéia de Bolinha que além de salvar o elenco ela ficou fixa no programa! 

Casada desde 80 com um garçom que conheceu em um de seus shows, Cleusa, seu nome de batismo participou de um programa de Gilberto Barros que homenageou Bolinha, fez um quadro fixo e só seu no programa Sem Controle, do SBT.

Com uma filha adotiva e aos 66 anos, Zulu já é vovó e tem 3 netos.

publicado por srgiodefreitas1965 às 20:33
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 19 de Julho de 2018

Dr. Bumbum e mãe são presos na Barra após 4 dias foragidos e podem pegar 15 anos de cadeia

denis.jpg

csm_drbujmbumemae_presos_DIV_18072018_b812513922.j

 

Em uma entrevista coletiva que durou menos de 15 minutos, a advogada do médico Dênis César Barros Furtado, conhecido como "Doutor Bumbum",Naiara Baldanza, deixou de responder pontos importantes do caso, como se o médico operava em sua residência ou quando ele deve se entregar a polícia. Ela afirmou que o julgamento em relação ao médico é precoce e que ele tem episódios de síndrome do pânico, por isso a dificuldade em se entregar a polícia. 

 

“Em que pese todos esses comentários sobre a vida profissional do doutor Denis, julgá-lo nesse momento como culpado é muito precoce”, disse. Ela afirmou que não iria adiantar os pontos da defesa e que existe uma equipe trabalhando para demonstrar a inocência dele. A advogada disse que os fatos ainda “vão ser esclarecidos pela própria polícia”.

 

Apesar da insistência dos jornalistas, a advogada não confirmou se Furtado irá se entregar e disse que isso será tratado diretamente com a polícia. Ela negou que a fuga tenha sido uma estratégia da defesa e chegou a citar que o médico tem um histórico de síndrome de pânico. “Quando ele está sofrendo um grande impacto emocional, e somente nesses casos, ele começou a desenvolver uma síndrome de pânico então há um motivo pelo qual existe uma dificuldade neste momento para que ele se apresente e não um motivo de obstaculizar o trabalho da Justiça”, disse.

Furtado, de 45 anos, e sua mãe, Maria de Fátima Barros Furtado, 66, foram indiciados por homicídio doloso pela morte da bancária Lilian Calixto, de 46 anos, ocorrido horas após ela passar por procedimento estético em um apartamento na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro. Eles estão foragidos.

Segundo a advogada, Furtado levou Lilian ao hospital e quis permanecer com a vítima, mas o hospital não permitiu. A advogada disse que, segundo o relato do seu cliente, nenhuma complicação teria acontecido durante o procedimento estético. “Essa moça estava hospedada em um hotel, ela ligou para ele e ele a levou em 1 hospital”, afirmou.

 

Lilian Quezia Calixto de Lima Jamberci, de 46 anos, era gerente de banco em Cuiabá, no Mato Grosso, e veio ao Rio no fim de semana para uma aplicação de silicone nos glúteos com Denis.  A gerente de banco morreu após se submeter a um procedimento estético no apartamento do médico, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste da cidade, no último fim de semana

 

Renata Fernandes Cirne, de 19 anos, que foi presa por participação no procedimento estético que causou a morte, neste sábado, da bancária Lilian Quézia Calixto Peixoto, de 46 anos, foi transferida da 16ªDP (Barra da Tijuca) para o presídio de Benfica, na Zona Norte do Rio, nesta terça-feira (17/07).

De acordo com o viúvo de Lilian, Osmar Jamberci, o plano era da bancária voltar para Cuiabá ainda no sábado (14/07). “Ela veio sábado de manhã para voltar à noite, era um bate-volta. Disse pra família que iria colocar um chip por conta da menopausa”, disse Osmar.

“Às 8h30 de domingo (15/07), esse médico me ligou dizendo que tinha havido 1 complicação e que precisavam de alguém para liberar o corpo. Foi a única vez que falei com ele, desde então não apareceu mais”, contou o viúvo ao jornal Hoje

O casal tinha uma filha de 13 anos e estava casado há 2 décadas. Lilian também tinha um filho de 23 de um relacionamento anterior.

Políciais do 31º Batalhão de Polícia do Rio de Janeiro prenderam às 15h21 desta quinta-feira (19/07) o médico Denis Furtado, conhecido como Dr Bumbum que afirma que bancária usava anabolizantes que iria comprometer problemas estéticos.

Ele foi preso num centro empresarial da Barra da Tijuca e CRM cassa registro profissional do Dr. Bumbum no DF .

'Sinto dor insuportável', diz ex-paciente do 'Dr. Bumbum' 

publicado por srgiodefreitas1965 às 14:22
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 17 de Julho de 2018

Mulher morta por trem ao mexer em celular é enterrada no Guarujá no Brasil

lourdes-del-rosa-rio-arau-jo-sousa-ramos-vitima-at

whatsapp-image-2018-07-15-at-08.47.45-1-.jpeg

 Pedestres se arriscam em linha férrea onde mulher morreu após ser atropelada pelo trem, na madrugada de domingo (15/07), em Santos, no litoral de São Paulo, foi identificada e sepultada nesta segunda-feira (16/07). A polícia suspeita de que ela estivesse falando ao celular quando foi atingida pela composição.

O corpo de Lourdes Rosário Ramos foi velado e enterrado no Cemitério de Vicente de Carvalho, distrito de Guarujá. O acidente aconteceu por volta das 4h15, atrás da Alfândega do Porto de Santos, no Centro da cidade, próximo às barcas que ligam Vicente de Carvalho a Santos.

 

De acordo com informações da equipe que atendeu a ocorrência, câmeras de monitoramento instaladas no entorno mostram a vítima falando ao celular enquanto anda em direção aos trilhos. A equipe trabalha com a hipótese de que ela estivesse distraída no momento do acidente.

Por meio de nota, a concessionária Rumo ALL, responsável pelo trecho, informou que a vítima tentou atravessar a linha férrea no momento em que o trem fazia uma manobra, e lamentou o ocorrido. Afirmou, ainda, que realiza campanhas de segurança regularmente, com o objetivo de alertar sobre os cuidados ao atravessar linhas férreas.

A vítima voltava de uma festa junina na casa da irmã. Moradora do Sítio Conceiçãozinha, em Guarujá, a dona de casa Lourdes Del Rosário Araújo Sousa Ramos tinha 54 anos era casada e morreu na hora ao ser atingida pela composição deixando 6 filhos (1 mulher e 5 homens) e 5 netos.

 

De acordo com o delegado João Octávio de Mello, a testemunha contou que a mulher desceu de um carro por volta das 2 horas e caminhou em direção à estação, aparentemente falando ao celular. Quando cruzou a linha férrea, acabou atropelada.

Filha de Lourdes,Carolina Sousa Santos,de 28 anos, revelou que a mãe era cuidadosa e não costumava utilizar travessia de barcas e o carro do qual ela usava era o Uber.

 




publicado por srgiodefreitas1965 às 16:51
link do post | comentar | favorito

Copa do Mundo 2022: o que se sabe sobre o Catar, o próximo país a sediar os jogos

al-khor-city-stadium.jpg

A Copa do Mundo na Rússia terminou e agora os olhos do mundo se voltam para o Qatar, primeiro país do Oriente Médio a sediar o Mundial.

No domingo (15/07), o presidente russo Vladimir Putin passou o manto do anfitrião dos jogos para o emir do Qatar, o xeique Al-Thani, em cerimônia no Kremlin, em Moscou.

TVN do Panamá selecionou algumas informações e recomendações para quem pretende viajar ao país e se preparar com antecedência. Veja abaixo.

 

Em que data acontecerá a próxima Copa do Mundo?

A próxima Copa do Mundo está marcada para ocorrer entre 21 de novembro e 18 de dezembro de 2022.

 

Por que a próxima Copa ocorrerá em novembro e dezembro?

A decisão é para evitar as temperaturas altas. No meio do ano, verão no Qatar, os termômetros podem marcar até 50ºC. Já nos meses em que acontecerá a Copa, inverno no país, os turistas poderão enfrentar temperaturas mínimas por volta de 10 graus.

 

Qual o fuso horário no Catar?

No Qatar, o fuso horário é de 6 horas a mais em relação ao horário de Brasília. Esse é, inclusive, o mesmo fuso de Moscou, capital da Rússia que recebeu jogos da Copa.

 

Qual é o idioma oficial do Catar?

O idioma oficial é o árabe. O inglês também é falado no país.

 

Há voos diretos do Brasil para o Catar?

Sim. Há tanto opções de voo direto como com escalas. Atualmente, o preço médio de uma passagem de ida e volta é entre R$ 4.500 e R$ 6.500 na classe econômica.

 

Quantas equipes vão jogar na Copa do Mundo no Catar?

Em entrevista coletiva na quinta-feira (12/07), em Moscou, o presidente da Fifa, Gianni Infantino, afirmou que não há decisão definitiva se mudará a quantidade de equipes que disputarão o torneio. Por enquanto, está mantido o número de 32 equipes. Já para a Copa em 2026, o número de 48 seleções já foi confirmado.

Quanto tempo vai durar a Copa do Mundo?

O torneio terá a duração de 28 dias, 3 dias a menos que a Copa na Rússia.

 

Quanto dias faltam para a Copa ? Clique aqui e confira.

 

Quais documentos são necessários para viajar ao Qatar?

É necessário levar o passaporte com validade de no mínimo 6 meses. Desde 2017 não há mais a obrigação de visto para o Brasil. O turista brasileiro tem direito a ficar no país por até 30 dias.

 

Qual a distância entre os estádios?

O Catar tem pouco mais de 11 mil km de extensão (é menor que o estado do Sergipe, no Brasil, que tem cerca de 21 mil km) e a distância entre cada estádio é curta. A maior delas é de cerca de 55 km, entre o Al Bayt Stadium e o Al Wakrah Stadium. O metrô de superfície vai interligar 7 arenas do Mundial. Entre alguns estádios, é possível até ir a pé.

 

Em quais estádios serão disputados os jogos da Copa do Mundo?

Segundo o comitê organizador, o mundial será realizado em 8 estádios. São eles: o estádio de Al Rayyan, Lusail, Al Bayt, Al Thumama, Al Wakrah, Qatar Fundation, Khalifa International e Ras Abu Aboud. O único estádio que já existia é o Khalifa International. Os demais passaram a ser construídos do zero.

 

Doha, capital do país, terá um estádio desmontável?

Sim, o estádio Ras Abu Aboud, feito de contêineres, e localizado na orla de Doha, poderá ser desmontado no fim da Copa. As peças poderão ser reaproveitadas para outras construções.

 

Qatar está construindo nova cidade com estádio que sediará Copa?

O país está construindo uma nova cidade onde era só areia: a cidade de Lusail abrigará o Lusail Iconic Stadium, onde acontecerá a final da Copa do Mundo.

Quais são as opções de transporte ao turista?

O país está construindo uma linha de metrô terrestre que ligará 7 das 8 arenas de jogos. Há também a opção de ônibus e veículos particulares.

Informações e cuidados ao turista brasileiro

 

O Ministério das Relações Exteriores também traz informações e cuidados aos turistas que viajarão ao país do Oriente Médio. Veja alguns deles.

 

Qual a religião no Qatar?

A religião predominante é o islamismo, mas também há praticantes de outras religiões, como o cristianismo, hinduísmo e budismo. É preciso entrar descalço em mesquitas.

 

Há brasileiros no Qatar?

Sim, há cerca de 800 brasileiros no país. Aproximadamente, 1,7 milhão de estrangeiros residem no Catar.

 

Como o país vê as relações homossexuais?

O portal consular do Itamaraty recomenda cuidado aos turistas, já que relações homossexuais consensuais entre homens são consideradas crime no Catar. Podem ser punidas por castigo físico, prisão por até sete anos, e/ou deportação.

 

Como o país vê a prostituição?

No Qatar, a prostituição é crime e pode render penas rigorosas, de acordo com a lei islâmica.

 

É permitido o consumo de álcool nas ruas?

Não. O consumo de álcool é permitido somente para não muçulmanos em lugares privados, restaurantes, bares ou residências particulares.

 

Como se vestir no Qatar?

O Itamaraty aconselha evitar o uso de camisetas, decotes, blusas curtas, minissaias, shorts e demais roupas que exponham ou marquem o corpo. De qualquer forma, aos estrangeiros é permitido o uso de trajes ocidentais e não é necessário o uso de túnicas ou véus.

 

 

Pode tirar foto de tudo?

A recomendação é evitar fazer fotos de prédios e construções públicas, pois esse tipo de fotografia pode indicar comportamento suspeito podendo resultar até mesmo em detenção.

 

É permitido o uso de drogas no país?

Não. São estritamente proibidas. Portar, consumir, comprar ou vender narcóticos são considerados crimes graves.

 

Há alguma recomendação para passeios turísticos ao deserto?

Sim. É recomendável informar aos órgãos de segurança locais a data do passeio por questão de segurança. As estradas com areia na pista e a ausência de sinal telefônico podem representar risco ao viajante.

 

 

O antigo presidente da FIFA,Joseph Blatter admitiu, em entrevista concedida ao L'Equipe, que o Mundial 2022 poderá vir a realizar-se, também, para lá das fronteiras do Qatar.

 

Por força da reduzida dimensão daquele país asiático, o presidente da FIFA deu o aval a que o campeonato do Mundo daquele ano se explane para o "mundo árabe", sendo colocada em cima da mesa a possibilidade de Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos poderem co-organizar a prova com os qataris.

"Estamos a abrir o jogo a um novo mundo e a uma nova cultura. O mundo árabe, que já tentou com Marrocos e Egipto, pode legitimamente aspirar a ser o anfitrião deste Mundial", considerou.

"A candidatura da Austrália propunha efectuar vários jogos na Nova Zelândia. Penso que pode acontecer o mesmo com o Qatar e que alguns jogos se realizem em países vizinhos", exemplificou.

 

O secretário-geral da Confederação Asiática de Futebol (AFC) defendeu que o Mundial 2022, a disputar no Qatar, se realize em Janeiro ou Fevereiro, para evitar as altas temperaturas do deserto em Junho ou Julho.


Peter Velappan afirmou que o arrefecimento dos estádios e o ar condicionado nos recintos de treino não são uma solução, advertindo para a hipótese de algumas equipas europeias recusarem participar no Mundial devido às altas temperaturas do verão no Qatar, que frequentemente ultrapassam os 40 graus centígrados.

“O Qatar é um belo país... mas não há maneira de o futebol ser aí jogado em Junho ou Julho. Nenhum jogador quererá jogar nessas condições”, afirmou à Agência AP aquele dirigente da AFC.

“Recomendo fortemente que a FIFA mude a data do torneio para janeiro ou fevereiro. A FIFA está obrigada a fazer tudo o que for possível para providenciar o melhor para as equipas e para os adeptos do futebol”, acrescentou.

As declarações de Velappan vão no mesmo sentido das palavras do alemão Franz Beckenbauer, membro da Comissão Executiva da FIFA, que no princípio de Dezembro disse que uma alteração excepcional no calendário de jogos das ligas europeias permitirá que o Mundial seja jogado no inverno no Qatar.

Segundo o antigo futebolista internacional e seleccionador da Alemanha, que foi campeão do Mundo nas 2 qualidades, esta solução seria mais barata do que dotar todos os estádios de ar condicionado.

 

 

 
publicado por srgiodefreitas1965 às 00:05
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 16 de Julho de 2018

A chuva quando cai não é para todos enquanto Rússia matou sonho de Portugal de sediar a Copa

 

1 (20).jpg

 

 

2 (20).jpg

 

 

3 (19).jpg

Podíamos ficar pelo ridículo da situação mas a verdade é que o respeitinho é muito bonito e a democracia na Rússia nunca mais foi a mesma coisa desde que Aleksandr Soljenítsin se lembrou de escrever O Arquipélago de Gulag.

 

A Rússia ganhou o direito a organizar o Mundial 2018, após uma votação que teve pouco de transparente. Os 22 membros do Comité Executivo da FIFA estiveram hora e meia fechados numa sala no Palácio dos Congressos de Zurique, sem telemóveis ou contactos com o exterior, e, no final, decidiram por voto secreto.

 

Oficialmente, apenas o notário Roman Dan Mayer ficou a saber qual foi o sentido voto de cada país, mas as palavras de ‘fair-play’ de Gilberto Madaíl e Miguel Angel Lopez, director-geral da campanha Ibérica, não esconderam algumas desconfianças.

 

Para trás ficaram as candidaturas conjuntas de Portugal/Espanha e Bélgica/Holanda, além da Inglaterra. Para o Qatar, país de apenas 930 mil habitantes, que concorreu com Estados Unidos, Austrália, Japão e Coreia do Sul, vai o Mundial 2022.

 

Logo na primeira ronda de votações registou-se a primeira grande surpresa. A Inglaterra viu confirmada as previsões de que seria penalizada devido às reportagens sobre casos de corrupção na FIFA que passaram na BBC e só angariou dois votos. Bélgica/Holanda obtiveram 4, Portugal/Espanha, 7; e os russos, 9. Já sem os ingleses na corrida, a Rússia ‘goleou’, com 13 votos contra 7 de Portugal e 2 da Bélgica/Holanda. Foi fácil perceber que os votantes das duas concorrentes menos votadas transferiram a sua preferência para a Rússia.

Tanto num caso como noutro (Qatar), impôs-se a capacidade financeira e a influência política dos vencedores, aspecto devidamente salientado pelo seleccionador espanhol, Vicente del Bosque. "Eles têm o poder do dinheiro, não sei se têm os mesmos méritos de Portugal e Espanha", declarou.

A candidatura Ibérica previa obter sete votos e esse número não se alterou nas duas rondas. Além de Angel Villar, os apoios eram de Júlio Grondona (Argentina), Nicolas Leóz (Paraguai), Ricardo Teixeira (Brasil), Senes Erzik (Turquia) e Bin Hammas (Qatar). Issa Hayatou (Camarões) e Jacques Amouna (Costa de Marfim) também fizeram parte dessa lista de aliados, mas a hesitação de que deram mostras nos últimos dias gerou legítima preocupação em Madaíl e Angel Villar. Contudo, um deles terá sido a 7ª Federação a votar em Portugal e Espanha.

MADAÍL: "HÁ COISAS A REVER"

Gilberto Madaíl reagiu com fair--play à derrota, mas deixou implícito algumas críticas: "É preciso rever algumas coisas no futebol." Instado a dizer se a crise económica nos dois países pesou na decisão, o líder da FPF voltou a mostrar o seu desagrado. "Também fiz essa pergunta, mas o resultado foi também uma surpresa para a Rússia e o Qatar", avaliou. n

JOSEPH BLATTER: "VAMOS PARA NOVOS PAÍSES"

O presidente da FIFA, Joseph Blatter, não se preocupou em esconder a sua alegria após ser conhecido o resultado das votações com a atribuição do Mundial de 2018 à Rússia e do de 2022 ao Qatar.

"Quero agradecer ao comité executivo da FIFA porque vamos para novos países. O Médio Oriente e a Europa do Leste esperavam por isto há muito tempo. Sou um presidente feliz, muito obrigado a todos", disse, em Zurique.

BENTO LAMENTA DECISÃO

"Se me perguntarem qual era a melhor candidatura para o Mundial de 2018 – em termos desportivos, pelo que fizeram as duas selecções, pelo que fazem os seus clubes nas maiores competições – direi que era a ibérica. Mas temos de felicitar os vencedores. Esta derrota não é uma desilusão, mas sim como um sonho adiado", disse o seleccionador Paulo Bento, na Suíça.

Já Costinha, que não esteve em Zurique, considerou o factor económico como preponderante na vitória dos russos. "São muito fortes a esse nível. Joguei lá [Dínamo de Moscovo]. As deslocações são grandes e há diferentes fusos horários. Teve de haver um facto muito forte para dar este privilégio aos russos", afirmou à Antena 1.

O director para o futebol do Sporting assinalou ainda a presença na sede da FIFA, na Suíça, de "personalidades russas com muito poder e influência".

DISCURSO DIRECTO

"ESTA DECISÃO FOI UMA JOGADA POLÍTICA", Paulo Barbosa, agente FIFA com conhecimento profundo do mercado russo

Correio da Manhã – Parece-lhe uma boa decisão a atribuição da organização do Mundial 2018 à Rússia?

Paulo Barbosa – Não há boas nem más decisões. Há decisões que correspondem às correlações de poder dentro da FIFA e esta foi, claramente, uma delas.

– Quais foram os trunfos da Rússia para convencer a FIFA?

– Fundamentalmente três: segurança, capacidade financeira e a tentativa de a FIFA alargar a influência a uma região com muito potencial e que tem sido esquecida. No fundo, esta decisão foi uma jogada política.

– O que é que falhou na candidatura ibérica?

– Não acho que tenha falhado algo. Nem a nós nem a Inglaterra. Foram países que já receberam europeus e mundiais e acabou por pesar a intenção de diversificar e alargar estes torneios a outras áreas geográficas.

 

 

 

 

publicado por srgiodefreitas1965 às 23:25
link do post | comentar | favorito
Sábado, 14 de Julho de 2018

Acidente envolvendo carro e moto deixa 2 pessoas feridas em Santos no Brasil

acidente-sabado.jpg

 

1 carro e uma moto se chocaram na manhã desse sábado (14/07), por volta das 05h20, na Avenida Nossa Senhora de Fátima esquina com a rua Maria Patrícia na Zona Noroeste em Santos, no litoral de São Paulo. De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), as vítimas foram encaminhadas para o hospital da cidade. O local ficou interditado para perícia e o motorista do veículo foi detido, acusado de embriaguez ao volante.

Conforme informações de testemunhas, Djair da Rocha Santos, 24 anos, e sua esposa, Jaciara Queiroz dos Santos, 20 anos, seguiam em uma motocicleta Honda, CG 125 de cor preta e placa BAC 8043/PR, quando foram atingidos por 1 veículo Volkswagen Gol Special, de cor cinza e placa AFH 5719, do estado de Minas Gerais.  

 

O motorista desse veículo, que não teve a identidade revelada, foi preso em flagrante, por militares da 1ª Cia de Trânsito da PM, com sinais visíveis de embriaguez e levado para a delegacia para realizar o teste do elitômetro e os demais procedimentos cabíveis.

 
publicado por srgiodefreitas1965 às 21:24
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 13 de Julho de 2018

Já teve problemas na conta do bar ? Saiba o que fazer e preste muita atenção

.

 

Cobranças indevidas podem resultar em problemas em casas noturnas e bares. Mas, ao contrário do que ocorreu no caso de agressão ao universitário Lucas Martins de Paula por seguranças do Baccará Backstage, em Santos  , é possível resolver os impasses na conversa e por meio do Procon.

 

Caso desconfie da cobrança de 1 ou mais produtos não consumidos, o cliente tem de alertar o responsável pelo local, pois o estabelecimento precisa marcar e comprovar o consumo.

 

Se tiver a certeza de que não adquiriu alguma bebida, comida ou serviço, o consumidor deve pedir a exclusão do item da conta.

 

Segundo o presidente da Comissão de Direito do Consumidor da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em Santos, Daniel Wagner Haddad, caso o impasse não seja resolvido na conversa, o cliente deve pagar a conta toda e pedir a nota fiscal. “Depois, tem que apresentar a nota no Procon para pedir a devolução do que tiver sido pago indevidamente”.

 

Se houver constrangimento, ameaça ou impedimento de saída do local, a Polícia Militar pode ser acionada.

O Código de Defesa do Consumidor também proíbe a cobrança de multa no caso de perda da comanda ou a fixação de consumação mínima.

 

“O consumidor não é obrigado a pagar por aquilo que não consumiu, nem ser forçado a pagar, e a responsabilidade de saber tudo o que o cliente consumiu ou não é do estabelecimento”, destaca o supervisor do Procon-São Paulo, Bruno Teleze Stroebel.

 

Segundo o delegado titular do 3º Distrito Policial (Ponta da Praia), Luiz Henrique Ribeiro Artacho, os seguranças afirmaram que Lucas estava agressivo devido à divergência de R$ 15,00 em sua comanda e que foram alvos de agressão primeiro. "Falam que foram usar de força para contê-lo e que ele teria partido para cima. São versões divergentes (entre seguranças e clientes feridos ouvidos)", afirma.


“O Lucas sempre foi o menino muito brincalhão e agora, a casa está um silêncio só, um vazio muito grande”. O relato emocionado é do inspetor de qualidade Isaías de Paula, de 52 anos, pai do universitário Lucas Martins de Paula, de 21 anos, espancado por seguranças no Baccará Bar & Grill, no Embaré, em Santos, na madrugada do sábado (07/07).

Clique aqui e saiba sobre os riscos de ir a baladas que podem terminar em tragédia mortal .

Isaías relatou que assim como todo pai,no dia que Lucas avisou que sairia com os supostos 6 amigos pediu para que ele ficasse em casa:

"Era dia de jogo e como o Brasil tinha perdido falei para o Lucas não sair mas dizia que só sairia à noite.  Às 18 horas ele foi a casa de 1 desses 6 amigos e,de lá,sairam para esse bar e foi a última vez que vi o Lucas acordado" .

Na noite em que Lucas foi brutalmente agredido Isaías conta ter recebido a triste notícia através da filha Thays,de 28 anos,que não mora mais com eles.

"O Lucas sempre teve o hábito de nos avisar para onde ia.  Sempre que chegava,mesmo quando já estávamos dormindo,ia na porta nos avisar que tinha chegado e que estava tudo bem.  Nesse dia aconteceu esse pesadelo" . Isaías tem mais:

"A gente está aguardando que tenha melhoras, que não fique com nenhuma sequela", disse o pai à reportagem, bastante emocionado. "Eu perguntei para ele: 'Vai para balada hoje ? A gente não ia surfar ? Como você vai surfar se beber ?', e ele disse que ia para balada. O resultado foi esse" .    Clique aqui e veja o processo Nº 031183 2016 64

publicado por srgiodefreitas1965 às 18:35
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
15
18
20
21
22
23
26
27
28
29
30
blogs SAPO

.subscrever feeds